Tem 22 volumes publicados, compilado em um Livro Grande, conforme pedido de Jesus. Temos divulgadores em vários países: Brasil, Argentina, Bolívia, EUA, Uruguai, Paraguai, Suíça, Portugal, Canadá, Alemanha, Japão, França, Itália, Espanha.

Em 1992, Deus concede a sua Assinatura; em 2000, Nossa Senhora promete um presente de Natal, não dado pelo homem, mas sim dado pelo Céu; e no dia 6 de janeiro de 2001, os Anjos estamparam na Capela a Sagrada Face de Jesus, esse sinal chamou a atenção do cientista Dr. José Humberto Cardoso Rezende, que fez questão de analisar o milagre, e relatou 23 itens, que testemunhou e deu fé. Hoje já foram publicadas mais de 3.300 mensagens.

Mais informações: Central Administrativa d’A Palavra Viva de Deus.

Rua: Alameda das Araucárias, 225
Praia das Taquaras - Balneário Camboriú - SC - Brasil
CEP 88333-065
Telefone: +55 47 3169-1316 |
www.palavravivadedeus.com.br


Saudações Marianas

06 abril 2006

JEREMIAS 45

Jeremias, 45

1. Eis a mensagem que o profeta Jeremias enviou a Baruc, filho de Néria, quando ele escreveu todos estes oráculos, ditados pelo profeta, no quarto ano do reinado de Joaquim, filho de Josias, rei de Judá:
2. Eis o que diz o Senhor, Deus de Israel, a teu respeito, Baruc:
3. tu exclamas: desgraçado de mim, porque o Senhor acumula sobre mim tristezas e dores! Desfaço-me em gemidos e não encontro repouso.
4. Eis o que lhe dirás: oráculo do Senhor: vou destruir o que havia construído; arrancar o que havia plantado e isso em toda esta terra.
5. E tu reclamarias para ti grandes favores? Não os peças, porque sobre todas as criaturas vou fazer recair o flagelo _ oráculo do Senhor. Mas, conservar-te-ei a vida, como espólios, em todos os lugares para aonde fores.
OBS: Baruc era discípulo de Geremias, mas sempre reclamava que DEUS não havia dado a ele dons iguais aos de Geremias, então DEUS nomeou Baruc como profeta através de uma inspiração de interlocução a Geremias. Portanto, a bíblia para ser verdadeira tem que ter o livro de Baruc até depois que termina a lamentação de Geremias; aquelas que não têm são falsas bíblias e também a é falsa a religião que segue esta bíblia.

Agora vamos ver o que tem de importante no livro de Baruc e o porque este livro não pode faltar na Bíblia.

Baruc, 4

Duzentos anos antes da vinda de Maria Santíssima na terra DEUS através de Seu Santo Espírito inspira o profeta escrever quem é a Virgem Maria diante dos olhos de Deus. Que ninguém duvide do poder de DEUS, para que não incorra de cair em sua ira, que também é santa.


1. Ela é o livro do mandamento divino e a Lei que subsiste para todo o sempre. Todo aquele que a segue adquirirão a vida e os que a abandonam morrerão.
OBS: Diante dos olhos de DEUS a Virgem Maria é o livro do mandamento de DEUS. No livro de apocalipse Maria recebeu asas de águia, isto é, DEUS fez Dela a sua própria palavra viva na terra. Somente depois do seu Sim é que DEUS pode vir a terra e desvendar os seus mistérios aos humanos. Somente Aqueles que seguem a Virgem Maria a aceitam como Mãe e estão espiritualmente dentro do seu útero. Os desígnios de DEUS são eternos e aqueles que não os aceitam ficam como fetos tirados antes hora da sua gestação e a tendência é morrer por sair do ventre materno.

2. Volta para ela, Jacó, abraça-a. Caminha a seu encontro, ao esplendor da sua luz.
OBS: Volta para Ela filho e a abraça porque o seu caminho é de esplendor de luz, na qual você ficará iluminado também.

3. Não entregues a outros esta glória, nem relegues esta salvação a nação estrangeira.
OBS: A salvação é sem distinção e é para todos que querem; pode ser quem for, basta querer.

4. Ditosos somos nós, Israel, porque a nós foi revelado o que agrada a Deus!
OBS: Aqui DEUS inspira o profeta a fazer um versículo de louvor a ELE; alegres somos nós porque nos foi revelado o que agrada a DEUS.

Do versículo 5 até o ver 26, duzentos anos antes de Maria Santíssima nascer DEUS inspira o profeta através do Santo Espírito a narrar um dialogo como se Maria conversasse conosco nestes tempos tão difíceis em que estamos vivendo. Este livro foi inspirado a mais de dois mil e duzentos anos atrás para os dias atuais.

5. Coragem, povo meu, que trazeis o nome de Israel!
6. Fostes, em verdade, vendidos aos pagãos; não, porém, para serdes aniquilados. Por haverdes desencadeado a cólera divina é que fostes entregues aos inimigos.
7. Havíeis exasperado vosso Criador, ofertando sacrifícios aos demônios e não a Deus.
OBS: Maria Santíssima nos ensina que devemos aceitar o sacrifício da Santa Missa, caso contrário estamos fazendo sacrifícios aos demônios e não a DEUS. Existem dois caminhos, o de DEUS e do demônio, devemos escolher a qual seguir, pois não podemos servir a dois senhores.

8. Esquecestes o vosso Criador, o Deus eterno, e contristastes Jerusalém, vossa nutris.
OBS: Maria nos diz que esta triste por esquecermos os grandes benefícios que nos fez o Criador e pelo desamor a todas às coisas por Ele criadas. Ela se entristece muito por este desamor a DEUS por Ela ser nossa Mãe de leite.

9. Esta viu precipitar-se sobre vós a ira divina, e clamou: Escutai, vizinhas de Sião! Fez-me Deus suportar cruel tormento.
OBS: Maria quando viu cair sobre nós à ira de DEUS clamou para que Ele tivesse piedade da humanidade. Isso lhe causou um cruel tormento por causa do amor que Ela tem nós.

10. Assisti à deportação de meus filhos e filhas, que o Eterno lhes infligiu.
11. Eu os educara com alegria e fui obrigada a deixá-los partir com lágrimas de luto.
OBS: Quando a alma esta na eternidade e se decide vir a esta terra para se purificar Maria fica chorando de saudades porque sabe que neste mundo ela pode se perder desviando do caminho do Criador de toda as coisas.

12. Que ninguém se regozije com minha viuvez e meu desamparo! Por causa dos pecados de meus filhos vivo desolada, já que se afastaram da Lei de Deus,
OBS: Maria ficou viúva e desamparada depois da morte de Jesus, porque, além de ser Mãe é esposa e filha de DEUS, mas isto não entra na cabeça dos pagãos que duvidam do poder de DEUS, porque são os réprobos.

13. Negligenciando os seus mandamentos, afastando-se dos caminhos de seus preceitos e não seguindo a vereda da disciplina segundo a sua justiça.
OBS: Maria fica muito triste quando negligenciamos os mandamento de DEUS; e também, por aqueles que não querem mais viver segundo a disciplina divina e pelos que se afastaram da justiça Divina.

14. Vinde, vizinhas de Sião! Pensai na deportação de meus filhos e filhas, que o Eterno lhes infligiu.
15. Lançou contra eles um povo longínquo, povo insolente, de linguagem bárbara, sem respeito pelo ancião, sem piedade para com o pequenino.
OBS: É o que esta acontecendo hoje! Um povo longínquo de DEUS, muito insolente e usam uma linguagem bárbara. Este povo não possui respeito por nada que é sagrado, não respeita os anciãos e as criancinhas em sua pureza, praticando até a pedofilia.

16. Roubou à viúva os bem-amados, deixando-me sozinha, sem as minhas filhas.
OBS: Maria diz que as seitas iam se Ploriferar a ponto de deixá-la abandonada sem seus filhos, que Ela tanto ama.

17. O que posso eu fazer por vós?
18. Somente aquele que vos infligiu estes males pode salvar-vos das mãos de vossos inimigos.
OBS: Maria diz que só DEUS é que pode reverter esta situação, porque sempre foi submissa e fiel a DEUS e nunca quis passar em sua frente.

19. Ide, filhos meus! Ide! Quanto a mim, permanecerei na solidão.
20. Tirei minhas vestes dos dias de paz para revestir-me do saco dos suplicantes. Até meu último dia invocarei o Eterno.
OBS: Maria até no último dia estará pedindo a DEUS por nós, porque DEUS e Jesus são um só.

21. Coragem, meus filhos! E vós também orai a Deus, a fim de que vos salve da mão poderosa de vossos inimigos!
OBS: Maria nos pede para fazer a nossa parte rezando a DEUS, afim de que nos livre desta situação poderosa dos nossos inimigos.

22. Do Eterno espero a vossa libertação, espero que do Santo me venha à alegria, pela misericórdia que breve vos será concedida pelo Eterno, vosso Salvador.
OBS: Ela espera que de DEUS recebamos nossa libertação através da sua infinita misericórdia e espera de nós um dia o reconhecimento por tudo; e assim trazer a Ela uma alegria completa.

23. Entre lágrimas e coberta de luto deixei-vos partir... Deus, porém, vos devolverá a mim para uma eterna alegria.
24. porque as vizinhas de Sião, que viram a vossa deportação, verão em breve Deus conceder-vos a libertação, seguida de imensa glória e de fulgor emanando do Eterno
25. Suportai, filhos meus, com paciência o golpe da cólera divina. Fostes perseguidos por vossos inimigos; em breve, porém, assistireis à sua ruína, e sobre suas cervizes poreis os pés.
OBS: Maria pede que suportemos com paciência o golpe da cólera de DEUS e as perseguições dos inimigos, mas que em breve Ela assistirá toda a ruína do demônio e lhe pisará em sua garganta com a planta de seus pés.

26. Meus delicados filhos tiveram que andar por ásperos caminhos, acossados, qual rebanho roubado pelo inimigo.
OBS: Maria diz que todos os caminhos que existem na terra que não foram deixados pelo seu filho Jesus são do demônio.

27. Coragem, porém, meus filhos. Orai a Deus, pois aquele que vos feriu, lembrar-se-á de vós!
OBS: Maria diz que somente DEUS é que vai intervir nesta desordem provocada pelos homens.

28. Quisestes apartar-vos de Deus; ponde agora dez vezes mais zelo em procurá-lo.
OBS: Há 1.700 a.c. Deus inspira neste versículo o profeta profetizar sobre o sacerdote Martinho Lutero. Antes de fazer a besteira que fez, desmembrando o reino de DEUS, disse que ele ia se arrepender, e isto aconteceu. Quando fez a divisão, depois de 30 dias se arrependeu, queria voltar atrás, mas muitas pessoas, inclusive autoridades, já o seguiam em suas desordens; todavia, por causa do orgulho não quis voltar atrás, e esta atitude o condenou ao inferno.

29. Porquanto, aquele que sobre vós precipitou a catástrofe conceder-vos-á, com a libertação, eterno regozijo.
OBS: Maria diz que toda esse desordem foi permitida por Deus para testar a nossa fidelidade a ELE.

Nos versículos em diante DEUS inspira o profeta, duzentos anos antes de Maria nascer, o consolo que Ele faz a Maria pelo desamor e desrespeito que os humanos cometeriam contra Ela na terra.

30. Coragem, Jerusalém! Aquele que te deu o nome consolar-te-á.
31. Miseráveis os que te maltrataram, e que se regozijaram com tua ruína!
32. Miseráveis as cidades em que teus filhos conheceram a servidão, miserável aquela que conservou teus cativos!
OBS: Todas as seitas onde ficam presos os filhos de Maria são malditas e todas vão cair.

33. Em verdade, assim como se regozijou com tua queda, e triunfou, quando de tua ruína, assim também vai gemer com a própria desolação.
34. Aniquilarei a altivez de sua numerosa população, e sua arrogância transformar-se-á em luto.
OBS: DEUS enviaria sua Mãe Maria Santíssima aos quatro cantos do mundo em aparições, a fim de trazer os seus filhos para o caminho certo, mas aquele que não aceitar por causa de sua arrogância será morto.

35. porque um fogo constante, vindo do Eterno, a atingirá e gênios maus vão perseguí-la por muito tempo.
OBS: Um fogo vindo de DEUS atingirá todos os que perseguem Maria e tudo o que não presta nesta terra será destruído. Maria é perseguidas por aqueles que são maus.

36. Jerusalém, volta o teu olhar para o oriente, vê a alegria que te vem de Deus.
37. Olha! Eis que voltam os filhos que viras partir. Chegam do oriente e do ocidente, à voz do Altíssimo, repletos de alegria que lhes dão à glória de Deus.

Nenhum comentário:

Veja também: